Sendo praticamente essenciais para o mercado nacional as fechaduras magnéticas se destacam entre os outros métodos de proteção normalmente disponíveis, que podem sempre variar de acordo com os pedidos de cada cliente e seus desejos específicos, entenda seu uso mais prático, que seria com a presença da biometria que envia um sinal elétrico para liberar esses ímãs.

Com essa separação é possível a passagem, mas do contrário é exercida uma grande força que coloca os ímãs juntos, sendo totalmente impossível que sejam liberados apenas por um humano, requerendo mais de mil quilos de força, ou seja, é praticamente impossível sua abertura.

O texto acima "A biometria em fechaduras com ímãs" é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre direitos autorais.